Follow by Email

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

parabolas de jesus



Lembrancinha Parábola da rede



Lembrancinha feita pela minha amiga Francinha.

Ela tem um blog junto com a irmã Aninha.
É uma lembrancinha mais linda que a outra.
Confira as novidades lá!!



Uma areia feita com o EVA peludinho (com textura)
O mar com EVA em dois tons de Azul
O cestinho com corações bons - vermelhos
Corações cinzas descartados na praia e o versículo




Esta outra sugestão abaixo foi feita pelas irmãs Idalete e
Aparecida aqui da minha igreja em Copacabana.




Lembrancinhas parábola da pérola de grande valor

Quadro de pregas

Este é o quadro de pregas que eu fiz para a aula de domingo
sobre a Parábola da pérola de grande valor.

Esta ideia pode ser feita em qualquer aula e o quadro pode
 ser usado por muito tempo, basta ir trocando os desenhos.
Esta é uma ideia diferente para usar os slides.
Neste eu usei os slides que a irmã Ana me enviou.

Este quadro serve de suporte de informações,
apresentando-as de maneira progressiva e dinâmica.
Durante a aula a professora vai colocando os desenhos um de cada vez,
assim a criança não visualiza todo o cartaz pronto e não perde
 a concentração no que a professora está falando.



Na parte de cima do quadro de pregas eu imprimi uma
concha que eu achei na internet e colei uma pérola.
Esta ideia pode servir como lembrancinha.



 

Detalhe da concha
 
Abaixo esta  a foto da concha que eu usei.
A primeira foto é a parte de fora e a segunda é a parte de dentro da concha.
Eu imprimi e colei só a pontinha delas para poder abrir.
Clique na foto para ampliar antes de salvar para o seu computador.






Abaixo uma foto e um desenho das dobras para o quadro.







Esta semana encontrei esta caixinha de metal em formato de coração
 e comprei para mostrar as crianças no final da aula.
Dentro coloquei uma pérola.









Ela me eniou os moldes.
Clique na imagem para ampliar antes de salvar.







Sugestões de lembrancinhas para a próxima aula.
Esta feita pela irmã Alexandra que faz coisas lindas e criativas.
Ela tem um blog!!



Este é o molde para a lembrancinha.



Sugestões de atividades para as classes sobre a Pérola de grande valor.
Esta primeira atividade feita pela irmã Cecília Maria




E este é o passo-a-passo de como foi feito.
Clique na imagem para visializar melhor e poder salvar.


Outra sugestão de lembrancinha para colar no caderno.


Llembrancinhas Tesouro escondido

a parábola do tesouro escondido. Escolha uma!!
Beijinhos
Carla

Esta foi feita pelas irmãs Francinha e Aninha.
Visitem o blog delas.





Esta outra sugestão eu fiz a muito tempo, não tenho o molde.




Estas outras sugestões feitas pela irmã Alexandra.
visite o blog dela:







Este é o molde do baú acima.
basta clicar na foto para ampliar e salvar.




Aqui estão outros moldes que você pode usar.







Uma sugestão de quebra-cabeça para colocar dentro do baú.
Feito pela irmã Alexandra.
Uma dica é imprimir em papel mais grosso e
passar contact antes de recortar as peças.






Jogo da memória sobre as parábolas


Este fim de semana faremos uma revisão de todas as parábolas.
Preparei este jogo da mémoria para usar depois da aula.
Usei alguns desenhos enviados pela irmã Janaina Ferreira.

A ideia é a seguinte: Cada vez que a criança achar o par,
responde uma pergunta relacionada com a parábola que acertou.
Podem ser aquelas perguntas da semana ou vocês podem criar outras perguntas.

É só imprimir, recortar e colar em papel cartão
 ou cartolina no formato 10cm X 10cm.




Você pode salvar as imagens direto aqui do blog.
Sempre clicando na imagem antes para ampliar.
Ou se desejar me peça que mandarei por e-mail.






Lembrancinhas sobre as parábolas


Algumas sugestões de lembracinhas.

Este marca texto feito pela irmã Sheyna do Maranhão
sobre a parabola do Fermento


Uma sugestão de lembrancinha sobre a parábola das
 10 virgens feita pela irmã Ana
Aqui está todo o passo-a-passo.
Não tenho a foto de como a lembrancinha fica.



semeador


Atividades Parábola da rede












Atividade enviada pela irmã Ivanete Pereira.
Ideal para os intermediários.



Esta atividade abaixo eu fiz para a classe das crianças e intermediários.



Para colorir: A parábola das 10 virgens










A história das virgens prudentes- cartaz

Apresentamos para as crianças a história bíblica " A Parábola das dez virgens". Com esta história procuramos refletir com os catequizandos as atitudes que devemos ter de vigilância (oração, escuta da Palavra de Deus, obediência, participar da Igreja....) e o anseio de estar sempre com Jesus sempre, de querer ver Jesus começando aqui nesta vida para podermos um dia estar com Jesus no céu.

Utilizamos para contar esta história para as crianças um cartaz com os rostinhos das dez virgens prudentes (rostinhos alegres) e as dez virgens imprudentes (rostinhos tristes). A cada virgem prudente foi associada uma atitude que deixava suas lamparinas acesas e a cada virgem imprudente foi associada uma atitude que deixava a sua lamparina apagada.

 História: Mateus 25,1-13

Um dia Jesus contou uma parábola sobre uma festa de casamento para o povo ensinando a importância de estarmos atentos e vigilantes. No tempo de Jesus os casamentos eram diferentes dos casamentos de hoje. O noivo ia ao encontro da noiva na casa do pai dela . De lá acompanhado por parentes e amigos eles iam pelas ruas cantando , iluminados por tochas, porque vocês sabem crianças... no tempo de Jesus não existia luz da CEMIG. E sabe para onde eles iam ? Eles iam para casa onde  os noivos iam morar e era feita uma grande festa. Algumas pessoas ficavam pelo caminho esperando o cortejo passar para que eles pudessem também ir para a festa do casamento.
Então em uma festa de casamento igual a esta dez moças se preparam para esperar este cortejo passar para que elas possam participar da festa de casamento.Mas dessas dez moças  cinco eram prudentes (tinham juízo) e cinco eram imprudentes (não tinham juízo). Elas estavam muito animadas para participarem da festa, mas como a rua não tinha iluminação cada moça levou consigo uma lamparina para que pudessem iluminar o caminho.

 

As moças com juízo pensaram: " Se o noivo demorar muito eu vou ficar desprevenida e no escuro, por isso eu vou levar muito óleo para que minha lamparina não se apague". Então elas levaram uma vasilha com óleo. Já as sem juízo ficaram com preguiça de pegar mais óleo e disse: " Eu tenho óleo suficiente e eu duvido que o noivo demore a chegar! " E as 5 moças não levaram óleo de reserva.O noivo estava demorando , nunca mais que chegava. Então elas pegaram no sono e cochilaram.


Mas sabem crianças meia-noite se ouviu um grito bem forte. Que grito era este? (deixar as crianças falarem). Era o aviso de que o noivo estava chegando. Então as dez virgens se levantaram correndo e prepararam o óleo. Mas sabem o que aconteceu? As moças sem juizo viram que suas lâmpadas estavam sem óleo. Então elas disseram as moças prudentes(com juízo)" me dê um pouco de seu óleo?''. (crianças o que vocês acham que as moças prudentes deveriam fazer?) 


As moças com juízo responderam que não podiam dar, porque se dessem um pouco de seu óleo elas também ficariam sem, mas que elas fossem comprar os óleos. Estão vendo isso não teria acontecido se as moças imprudentes tivessem ouvido as com juízo!
Então vocês sabem o que aconteceu? Enquanto as moças sem juízo saíram para comprar óleo o noivo chegou e as moças com juízo, prudentes e sábias acenderam suas lamparinas e foram para a festa de casamento. E quanto as sem juízo, imprudentes estas quando conseguiram chegar já era tarde demais, pois o noivo já havia passado e fechado a porta de sua casa e elas não puderam participar sabe aonde elas ficaram? Do lado de fora e chorando porque não foram moças prudentes. 

 Explicação:

Simbolismo da parábola:

Festa de casamento: vida eterna
Noivo: Jesus
Noiva: A Igreja- a família de Deus
Dez virgens (moças): seguidores de Jesus
Lâmpadas: Palavra de Deus
Óleo: boas ações, fé e a amor ao próximo e a Deus.

 Mensagem:

A grande mensagem desta parábola é esta: Um dia Jesus vai voltar esta é uma promessa que Ele fez quando subiu para o céu. Ele não nos disse nem o dia nem a hora... mas nos disse com certeza que um dia voltaria. Esta parábola fala sobre isso. As virgens(moças) prudentes são aquelas pessoas que não se esqueceram desta promessa de Cristo e estão se preparando para este dia juntando em suas lamparinas o óleo do amor ao próximo e a Deus e o óleo da fé. Já as virgens imprudentes são aquelas que mão se preocupam e se esqueceram da promessa de Jesus e não juntam o óleo do amor e da fé. Tem tempo para tudo, menos para Deus. Pensam que querem aproveitar a vida e mais tarde pensaram em Deus, mas Jesus voltará sem avisar e essas moças perderam o noivo e a sua grande festa no céu. Não devemos deixar para amanhã devemos encher nossas lamparinas hoje, pois na última hora não haverá mais tempo e não poderemos pegar o óleo de ninguém emprestado.

  Atitudes que deixam a lamparina acesa

  • Meditar a Palavra de Deus (ler a Bíblia)
  • Orar (conversar com Deus)  todos os dias
  • Participar da missa - prestar nossa ação de graça a Deus
  • Ser obediente a vontade de Deus
  • Amar o nosso próximo
  • Arrepender dos nossos pecados e procurar a cada dia ser melhor
(Perguntar as crianças outras atitudes que deixam a lamparina acesa)

 Atitudes que não deixam a lamparina acesa

  • Não ler a Bíblia
  • Não tirar tempo em sua vida para Deus (não orar, não participar da missa, da catequese e dos movimentos da Igreja)
  • Não deixar Deus falar em seu coração, não ser obediente a Deus
  • Não arrepender de seus pecados 
  • Ser egoísta e pensar só em si mesmo
  • Mentir
(Deixar as crianças falarem atitudes que deixam a lamparina apagada)









Jesus ensina sobre o Bom Pastor

Leitura Bíblica: Lucas 15.3-6

Meu objetivo hoje é... Explicar porque Jesus se compara ao bom pastor.

Versículo-chave: "Eu sou o bom pastor, o bom pastor dá a vida pelas ovelhas." (João 10.11)












O bom pastor (O encontro que produz alegria...)




O encontro que produz alegria

A ovelha perdida retorna aos braços do pastor

Crianças, pré-adolescentes, jovens e adultos, todos gostam de louvar ao Senhor!
Crianças mais ainda se os cânticos forem ilustrados. Já pensou em fazer isto numa dramatização?Veja a sugestão abaixo.
Vários são os momentos ideais para essa programação: no apelo para conversão, no culto para afastados, na Páscoa, ou mesmo num encerramento de lição para fixação do assunto estudado.

Confecção dos visuais
Reproduza no tamanho desejado (de preferência ao tamanho dos alunos). Use fotocópia colorida ou, se quiser economizar, reproduza em preto e branco e pinte. Para reforçar as figuras cole-as em papelão. A figura do pastor poderá ser ampliada no tamanho de uma criança. Em seguida coloque um suporte para que ela possa ser deslocada a medida que 0 pastor vai buscar a ovelha perdida. As ovelhas devem ser coladas de forma que a estrofe fique de um lado e o refrão do outro. Cole uma haste entre uma e outra para manuseá-las melhor. As mascaras de ovelhinhas deverão ser colocadas nas demais crianças do grupo. Atrás do grupo duas crianças seguram um cartaz ilustrando João 10.11.

Hino 156 da Harpa Crista
Ministre oralmente a mensagem estrofe por estrofe. Explique os vocábulos mais difíceis tais como: redil, vil, chagas, ...com amor pensou,restaurou-me etc.
Após a explanação do hino, faça perguntas e incentive-os a explicarem o que entenderam. Somente com a compreensão total da mensagem da letra, todos poderão cantá-lo e encená-lo com sentimento e força espiritual.
Ensaie a hino com acompanhamento e de músicos. Lembre-sede pedir para tocarem baixo para que as vozes sobressaiam.
Depois desses dois itens cumpridos passe ao ensaio:
Disponha todos como num coral. Na extremidade esquerda, um dos cantores, na terceira fila, representará o pastor (figura já ampliada e montada). Do lado esquerdo também, as três ovelhinhas felizes. Estas estarão erguidas acima dos ombros dos componentes.
No decorrer do hino, somente no momento do refrão, as três deverão ser viradas com esse escrito para a igreja.
A quarta ovelhinha, espantada e sentada, devera estar longe do pastor no início do hino. Ficara isolada e segura pela haste na extremidade oposta ao pastor, ao lado direito do coral.
Durante a primeira estrofe, que será entoada em andamento lento por um solista, somente a figura do pastor devera caminhar entre o coral, da esquerda para a direita indo ao encontro da ovelha sentada na outra extremidade. A ovelhinha será erguida de modo a parecer que a pastor a segura, apresentando a lado do refrão: E assim, retoma para a local onde as outras três estão com o lado do refrão apresentado. Na extremidade esquerda, todas as demais três estrofes deverão ser cantadas, com a ovelhinha que foi buscada, sempre nas mãos do pastor.
Durante o hino, as figuras deverão ter um movimento alternado de sobe e desce discreto, de acordo com a estrofe que esta sendo cantada para dar mais vida à encenação. O refrão somente devera ser virado para a igreja no exato momenta em que estiver sendo cantado.

Rosélia Mendonça e presidente da Seara miúda
(Eventos evangelísticos para crianças)

Lição 12-Juniores(Jesus ensina sobre o bom pastor)














Obs:Esse é o mesmo flanelógrafo que usei para a história do bom Samaritano, só mudei a paisagem: Para a montanha eu recortei uma tira de papel pardo, para a pastagem eu usei papel crepom, as árvores e a cerquinha foram feitas com papel cartão.
As ovelhinhas estão no kit da Sandra Mac e o pastorzinho eu encontrei na net e pintei com tinta acriléx...






A Ovelha Perdida





CARTAZ 1- Jesus sempre andou rodeado de pessoas. Na maioria das vezes, eram pessoas de má fama que se aproximavam dele, porque sentiam o seu amor por elas. Quem não gostava disso eram os religiosos, que sempre o criticavam por esta atitude.
Você sabe o que é uma parábola? É uma história criada para ensinar uma verdade importante. Jesus usou muitas delas, porque sabia que, através de histórias, as pessoas poderiam aprender melhor o que pretendia ensinar.

CARTAZ  2- “Um homem tinha cem ovelhas e uma delas se perdeu. O que ele fez?
Deixou as noventa e nove no campo e foi procurar a ovelha perdida até achá-la.





CARTAZ 3- Quando a encontrou ficou muito contente, pegou-a  e voltou com ela carregada nos ombros. Chegando em casa, chamou os amigos e vizinhos e disse: “Alegrem-se comigo porque achei a minha ovelha perdida!"

 CARTAZ 4- Jesus então lhes disse: “Do mesmo jeito haverá maior alegria no céu por uma pessoa de má fama e pecadora que se arrepende do que 99 pessoas justas e boazinhas que não precisam se arrepender.

PERGUNTAS: Use esta parte para recapitular o que foi ensinado.
·         Como se chama as histórias contadas por Jesus?
·         Quem estava no campo cuidando das ovelhas?
·         Quantas ovelhas tinha este pastor?
·         Quantas se perderam?
·         O que o pastor fez?
·         Depois de achar a ovelha perdida quem ele chamou e para que?
·         Quem na verdade é o pastor? E as ovelhas?

APLICAÇÃO DA HISTÓRIA:

COMIGO- Ás vezes você poderá se afastar e fazer coisas erradas, mas o Senhor Jesus irá buscá-lo e o carregará. Por exemplo: Se eu mentir uma vez, e mentir duas vezes e mentir três vezes eu estarei me afastando do meu pastor, mas ele irá a minha procura, me fará ver que estou errado, porque sendo meu pastor se preocupa comigo.
NA ESCOLA: Ás vezes ao nosso lado está uma ovelha perdida: um amigo com medo, sentindo-se abandonado ou sendo gozado pelos colegas. Você pode ajudá-lo a entender que é especial aos olhos de Deus.
NA IGREJA- Procure lembrar daqueles meninos e meninas que você não tem visto. Pode até ser que sejam seus amigos.Eles estão doentes, mudaram ou será que ficaram bravos com alguma coisa que alguém fez? Que atitude posso tomar? (peça que reflitam)
  


ensina sobre o amor ao próximo)






















Roteiro para estudo Bíblico: O Bom Samaritano

Título: “O Bom Samaritano


Objetivo: Ensinar as crianças a fazer o bem a todos, tanto para amigos como para inimigos.
Quebra-Gelo: Você já fez uma coisa boa para uma pessoa que você não gostava ou que não gostava de você?
Versículo para Memorizar: “Mas vocês, irmãos, não se cansem de fazer o bem”. 2 Tessalonicenses 3:13
Referência Bíblica: Lucas 10:25-37
Mensagem: Antes de iniciar a história mostre gravuras ou desenhos de pessoas diferentes. Exemplos: pessoas negras, brancas, asiáticas, pessoas pobres e ricas, pessoas muito inteligentes e pessoas analfabetas, pessoas com todos os membros do corpo, pessoas paralíticas, etc. E pergunte quais são as diferenças entre essas pessoas, e deixem as crianças responderem, e depois pergunte o que elas têm de igual, de semelhante, espere as respostas, e depois diga que a semelhança entre elas é que todas elas são seres humanos, criaturas de Deus e que merecem serem tratadas com respeito e amor. E explique que tem uma história na Bíblia que fala sobre isso: a “Parábola do Bom Samaritano”:
Jesus estava ensinando em particular os seus discípulos quando um mestre da lei se levantando perguntou: — Mestre, que farei para herdar a vida eterna? E ele lhe disse: Que está escrito na lei? Como lês? E, respondendo ele, disse: — Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças, e de todo o teu entendimento, e ao teu próximo como a ti mesmo. E disse-lhe: Respondeste bem; faze isso, e viverás. Ele, porém, querendo justificar-se a si mesmo, disse a Jesus: E quem é o meu próximo? Então Jesus respondeu contando uma parábola: — Certa vez, um homem estava descendo de Jerusalém para Jericó. No caminho alguns ladrões o assaltaram, tiraram a sua roupa, bateram nele e o deixaram quase morto. Acontece que um sacerdote estava descendo por aquele mesmo caminho. Quando viu o homem, tratou de passar pelo outro lado da estrada. Também um levita passou por ali. Olhou e também foi embora pelo outro lado da estrada. Mas um samaritano que estava viajando por aquele caminho chegou até ali. Quando viu o homem, ficou com muita pena dele. Então chegou perto dele, limpou os seus ferimentos com azeite e vinho e em seguida os enfaixou. Depois disso, o samaritano colocou-o no seu próprio animal e o levou para uma pensão, onde cuidou dele. No dia seguinte, entregou duas moedas de prata ao dono da pensão, dizendo: — Tome conta dele. Quando eu passar por aqui na volta, pagarei o que você gastar a mais com ele. Então Jesus perguntou ao mestre da Lei: — Na sua opinião, qual desses três foi o próximo do homem assaltado? —Aquele que o socorreu! —respondeu o mestre da Lei. E Jesus disse: — Pois vá e faça a mesma coisa.
Aplicação: Essa história surpreende a todos pela atitude das pessoas para com o homem que estava ferido, pois era de se esperar que o sacerdote ou o levita, pessoas que serviam a Deus trabalhando o tempo todo no templo, e que deveriam refletir o amor de Deus, tivessem compaixão do ferido. Mas não foi isso que aconteceu. Um samaritano, a quem os judeus desprezavam, foi quem socorreu o homem ferido. Esta é uma lição preciosa que devemos aprender: todos nós devemos amar as pessoas, independentemente do local onde elas moram, o que fazem, a língua que falam, a cor de sua pele, se é pobre ou rica, como se vestem, se têm muito conhecimento ou pouco, etc. Devemos não só amá-las e tratá-las bem, mas ajudá-las nas suas necessidades.
Atividade: 1º Sugestão: Mural. As crianças podem contar a história através da arte. Coloque papel pardo na parede e deixe as crianças usarem marcadores, tintas, cores, etc, para desenhar as cenas a seguir. /Cena 1 - Os assaltantes bateram no homem e ele ficou jogado no chão como um morto. /Cena 2 - O sacerdote passa pelo homem. /Cena 3 - O levita passa pelo homem. /Cena 4 - O samaritano pára e ajuda o homem. /Cena 5 - O samaritano leva o homem para uma pousada e paga para que cuidem do homem ferido. Depois que completar o desenho, peça às crianças para descreverem a história em suas próprias palavras. 2º Sugestão: Dramatização. Pode fazer uma encenação desta história de uma forma diferente e criativa, usando o humor (exemplo: tipo “Mr. Bean”), as crianças vão se divertir bastante. Escreva um roteiro curto com as crianças com cenas engraçadas. Atores necessários: Narrador, ladrões, sacerdote, levita, estrangeiro, Samaritano.





do Semeador - Cenário

Jesus contou esta história: (Abra sua Bíblia em Mateus 13:1-8 e diga que essa história está dentro da Bíblia e aconteceu de verdade há muito tempo atrás. As crianças precisam saber de onde vem a história e que elas são reais.) 
 Jesus disse que um semeador saiu a semear. ) Sabem o que faz um semeador? O semeador prepara a terra e planta a semente.  

A 1ª semente caiu no caminho e as pessoas pisaram nela. Como estava à vista, à beira do caminho, os passarinhos comeram.


A 2ª semente caiu numa terra onde havia muita pedra e pouca terra. Logo que ela caiu, brotou mas não durou porque a terra não era funda e não tinha espaço para a raiz da plantinha crescer.

A 3ª semente foi plantada no meio dos espinhos e foi abafada, são pessoas que ouvem a Palavra de Deus e não conseguem vencer as dificuldades (ter que acordar cedo para vir à igreja, obedecer à mamãe e ao papai, deixar de falar palavrões, não brigar com os outros) e acabam perdendo o interesse.


A 4ª semente, aquela plantada em terra boa, são pessoas que ouvem a Palavra de Deus e procuram fazer tudo direitinho; quando fazem algo errado, contam tudo para Jesus e pedem perdão e ajuda melhorar.


Aplicação
O que uma plantinha precisa para ficar forte e bonita? Ela precisa de água, ar, luz do sol.
E nós, que já aceitamos a Jesus como Salvador, o que precisamos para crescer nas coisas de Deus? Ah! Precisamos orar, prestar atenção quando a mamãe (ou o professor) está contando história da Bíblia e vir à igreja, ser bondoso, não falar palavrão, ser obediente...
Você deve ser a terra boa; deve ouvir e obedecer a Palavra de Deus. Você deve dar muitos frutos: ajudar as pessoas, fazer o bem, ser amigo de todos.

E quem não tem Jesus no coração? (Professor, faça o convite para a salvação.)













Blogs

Nenhum comentário: