Follow by Email

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

ideias para decorar culto infantil alegoria das ferramentas

esses alguns eu fiz outros peguei como ideia na rede ser houver alguma foto sua por favor me comunique  para que eu possa te dar o devido credito.



achei muito legal é do Many mas dá pra fazer sobre a alegoria das ferramentas.








                                            


                                                



                                

fica legal para dar como lembrancinha ou fazer varias para colocar sobre a mesa.
essas atividades são legais para a criança levar para casa.


                                   

  





Alegoria das ferramentas!
 


Há muito tempo atrás, em uma carpintaria, quando todo o trabalho havia acabado, as ferramentas começaram a conversar entre si.Elas discutiam para saber qual delas era a mais importante para o carpinteiro.


O Sr. Martelo começou: Certamente que sou Eu o mais importante para o carpinteiro! Sem mim os móveis não ficaram de pé! Pois eu tenho que martelar os pregos!

O Sr. Serrote logo quis dar a sua opinião: Você Sr. martelo?

Você não pode ser! Seu barulho é horrível! É ensurdecedor ficar ouvindo toc, toc, toc...

O mais importante sou Eu! O serrote! Sem mim como o carpinteiro serra a madeira? Eu sou o melhor!

Não, não, não falou a dona Lixa: Eu sim sou a melhor! Se não fosse Eu os móveis não seriam tão lisinhos e perfeitos! Eu sou a mais importante!

Ah! Mais não é mesmo! Disse a dona Plaina:

Eu é quem deixo tudo retinho, e tiro as imperfeições da madeira. Eu sim sou a indispensável...

Tsc, tsc, tsc...Nada disso disse a dona Chave de fenda:

Se não fosse Eu como o carpinteiro iria apertar os parafusos. EU sim sou a melhor!

AH! Não! Que absurdo! Disse o Sr Esquadro: Eu sou o mais importante! Sem mim os móveis ficariam tortos! O carpinteiro nem saberia a medida. Eu sou o mais importante!

As ferramentas ficaram discutindo até o dia amanhecer.

O carpinteiro chegou para trabalhar, colocou sobre a mesa a planta de um móvel e começou a trabalhar!

Ele usou todas as ferramentas, usou o serrote, o martelo, o esquadro, a lixa, a plaina, os pregos, o martelo, a chave de fenda, a cola, o verniz para deixar o móvel brilhando...

Enfim ele acabou. Chegou o fim do dia o carpinteiro estava cansado, mais feliz com o que tinha feito!

Seu trabalho com as ferramentas tinha ficado ótimo!

O carpinteiro foi para casa. Enfim as ferramentas voltaram a conversar. Só que agora elas ficaram admirando o que tinham feito todas juntas e o carpinteiro. Sabe o que elas fizeram? Um púlpito de uma igreja! E tinha ficado lindo!

Elas chegaram a uma conclusão: Todas eram importantes! Aos olhos do carpinteiro. Ele usou todas! Sem exceção de nenhuma! E o móvel tinha ficado lindo!

Elas descobriram que quando todas trabalham juntas tudo anda melhor!

(Moral da história)


O carpinteiro representa JESUS ou o Pastor de sua igreja.

Dependendo como você vai usar essa história.(já usei numa reunião para adolescentes e também em um teatro)


As ferramentas representam os membros, ou crianças. Cada um de nós tem um valor importante no reino e na obra de DEUS. É ele quem nós usa e capacita para fazermos a sua obra. Cabe a nós como ferramentas nos deixar ser usados. (você professor pode colocar a moral que você achar que se encaixa melhor para a sua turma)
TENHO ESTA HISTÓRIA PARA EMPRESTAR PARA PROFESSORES FILADÉLFIA

 
Púlpito (tribuna, nas igrejas, de onde os oradores sagrados pregam)
Se vc quiser encomendar o avental entra neste blog
http://abelhinhashandemade.blogspot.com/2010/07/alegoria-das-ferramentas.html 








minha amiga fez estes moldes,visite seu blog tem muitas coisas que vão te ajudar muito.bjs . pequeninosparajesus@hotmail.com














aqui  tem  um video que achei na net
sobre a alegria das ferramentas.





 












fiz esse texto para uma pregação que vou usar:(depois postarei fotos)
"Entreguem todas as suas preocupações a Deus, pois ele cuida de vocês" I Pedro 5:7


Alegoria das ferramentas:
Tia: tudo bem com você Pedrinho?
Pedrinho- mais ou menos sabe tia essa semana, fiquei muito triste, porque lá na minha escola os meninos ficaram brigando pra saber quem era o mais esperto da sala.
Tia: Hum isso me lembra um historia você quer ou vir Pedrinho? E vocês crianças então vamos todos sentar aqui bem pertinho?

Bom tudo começou em uma marcenaria, bem diferente porque lá as ferramentas falavam... (vocês sabem oque é uma marcenaria?)
É onde as pessoas fazem moveis de madeira
-é isso mesmo!
 Um certo dia houve uma reunião das ferramentas , o marceneiro tinha saído, e elas começaram a reclamar entre si.
O prego foi o primeiro da fila a reclamar:
_ eu e meu amigos pregos estamos exigindo que o martelo seja expulso daqui!
Tia: olha esse aqui é o martelo, porque será que eles queriam que ele fosse expulso?
Você sabe Pedrinho?
Porque ele é muito chato bate em todo mundo!
E o prego continuou falando, nós queremos que ele saia daqui porque ele é muito chato fica o dia todo martelando e nós pobres preguinhos não estamos mais aguentando não!
Tira esse martelo daqui a gente não aguenta mais esse barulho que ele faz!
Tia: aí todos concordaram que o martelo devia sair. Porque ele batia muito nos outros.
O martelo: ficou indignado! –eu não acredito depois de tudo que eu fiz por vocês! Vocês estão querendo que eu saída daqui da marcenaria!
Ah!Assim não dá! –bem tudo bem! Eu até saiu mais tem uma coisa que eu quero falar: se eu sair o parafuso vai tem que sair também!
Tia: alguém sabe por que o martelo queria expulsar o parafuso?
Todo mundo perguntou o parafuso por quê? Ele não bate em ninguém! Não prega ninguém!
O martelo falou: sim o parafuso, porque ele fica aí rodando,rodando e não consegue coisa alguma muito difícil!
E ele só consegue alguma coisa com a ajuda da chave de fenda ou de outro tipo de chave! Sozinho ele não consegue fazer nada!
Então se eu martelo não posso martelar sozinho, exijo que esse parafuso saia! Oque ele vai ficar fazendo aqui nada só dando voltinhas na gente?
Então eu quero que ele saia!
Aí o parafuso falou: todo envergonhadinho sem jeito.
Oh! Meu jeito é assim mesmo!Eu sou só um parafusinho, esse é meu jeitinho de ficar dando voltinhas e precisar de ajuda dos outros tenha paciência comigo!
O martelo todo revoltado, falou: não você tem que sair mesmo! Não faz nada pra ninguém ainda fica aí pedindo ajuda dos outros! Sai fora daí!
Aí o parafuso falou tudo bem! Eu posso até sair, mais tem uma coisa!
A lixa também tem que sair!
Aí todo mundo ué porque a lixa?
a lixa ué oque que eu fiz? Por que eu tenho que sair? Vocês ficam arranjando confusão aí e eu tenho que sair?
Aí o parafuso falou assim: porque você é muito grossa!
Tia fala pra uma criança!Vê aí se a lixa não ta grossa?
As pessoas nem conseguem chegar perto de você, você até da gastura quando alguém te passa na madeira!A gente ate tampa os ouvidos, não da certo não! Então você é muito grossa!Não da pra conviver com você todos querem que você saia!
Nessa hora todo mundo concordou. Ah isso aí é verdade essa lixa é muito grossa! E da enchendo a paciência com esse barulho irritante e quando a gente chega perto dela ela só faz grosseria com a gente!
Tia: sabe crianças tem algumas pessoas que são parecidas com essa lixa, grossa só vive de cara fechada não é Pedrinho? E quando a gente chega perto dela ela parece que vai dar choque!
Mais Jesus também usa a lixa...
E tem também aquela pessoa que se parece com o parafusinho você conhece alguém assim Pedrinho? Que vive precisando dos outros não consegue fazer nada sozinho.
Acho que nós cristão devíamos ser assim sempre, sermos igual o parafuso e a chave de fenda estamos sempre pronto a ajudar!
Eu mesma sou igual ao parafuso sem vocês aqui eu não faria nada!
Mais veja só oque vai acontecer na história: a lixa se levantou e disse:
Vocês estão falando aí que pra eu sair porque, eu sou isso sou aquilo...
Mais eu não gosto da régua, se alguém tem que sair daqui tem que ser a régua!
Essa régua não dá pra ficar! Todas as ferramentas olharam para a régua mais ela parece tão certinha! Tão perfeita!
Tia: oque será que a régua fez que a lixa ta brava com ela?
A lixa toda nervosa falou: exatamente isso! Ela se acha muito perfeitinha esta sempre aí medindo o trabalho dos outros!Quando a gente faz um trabalho lá ta ela medindo... Vendo se esta tudo certinho... Só ela que é certa a gente não é nada?
a régua se pronunciou: eu sou mesmo!Toda arrumadinha toda certinha!Eu sou melhor que vocês! Vocês estão todos... é com inveja de mim seu invejosos! Eu sou a mais certinha que tem aqui!Mais eu tenho uma coisa a falar...
Torto aqui é o serrote, esse serrote é que deveria sair, ele chega cortando todo mundo!
Assim não ta dando não!
Quando o serrote foi se defender... Começou aquela confusão todos começaram a falar ao mesmo tempo foi um horror ninguém entendi ninguém nossa!
Tia: na nossa vida também é assim... Nós achamos que pessoas que não gostamos deviam sair de nossas vidas, de nossos trabalhos, escolas, igrejas... E às vezes achamos que nós mesmos devíamos sair, dizendo aqui não é meu lugar, ou esse trabalho não é pra mim, ou sou certo demais ou sou errado demais, estamos sempre inventando uma desculpa pra Deus...
E esquecemos que Deus tudo vê!
E como as ferramentas nós temos muitos defeitos e não devemos ficar apontando o dedo pro defeito do irmão, ou do coleguinha não é mesmo Pedrinho?
Então no meio daquela discussão toda, eles nem viram que o marceneiro estava chegando!
A porta se abriu e eles ficaram ali paradinhos como se nada tivesse acontecido...
O marceneiro entrou pegou um pedaço de madeira e começou a trabalhar...
Ele pegou o serrote ,serrou, serrou...
Pegou o prego e o martelo,martelou,pregou aqui, pregou ali...
Pegou a régua mediu...
Pegou o parafuso e a chaves de boca e de fenda.
E por ultimo pegou a lixa e alisou todo aquele móvel...
Passou um verniz e saiu pra esperar o móvel secar...
A peça ficou maravilhosa!Todos ficaram olhando maravilhados!
Sem entender como o marceneiro veio com tanta paciência e usou o melhor deles, sem se incomodar com o defeito que cada um tinha!
Mesmo cheio de defeitos eles haviam feito sabe oque crianças?
Um púlpito muito lindo!
[Tia: sabe Pedrinho mesmo nós cheios de defeitos Jesus vem e tira o melhor de nós! nos ensina, nos orienta pra sermos melhores para Ele.]
Jesus não se importa com nossa aparência, se somos ricos ou pobres. Ele só quer que nós sejamos obedientes a Ele. Porque como nossos pais, Deus também quer o melhor pra gente!
E é isso! Perante Deus todos nós somos iguais...
Eu quero agradecer a todos vocês, em especial a Deus por essa oportunidade não é mesmo Pedrinho?
Até a próxima vez, crianças...































7 comentários:

[Responder comentário]
Adriana Borges disse...

vai ser muito util pra minha turminha...

[Responder comentário]
cely S. Santos disse...

MUITO BOA, PARABENS PELO CAPRICHO. DEUS O ABENÇOE CADA DIA MAIS.

[Responder comentário]
Pri Melo disse...

Adorei, vou usar no culto infantil lá na igreja e olha que da uma pregação profunda para adultos

[Responder comentário]
Unknown disse...

Parabens muito criativo seu blog Deus abencoe

[Responder comentário]
Maria Reis disse...

Amei,parabéns que venham outras ideia bjs

[Responder comentário]
Maria Reis disse...

Amei,parabéns que venham outras ideia bjs

[Responder comentário]
PATRICIA BRANDÃO SILVA disse...

Querida.boa tarde. Gostaria de receber estas imagens e os textos pelo email..É possível?
eu tento entrar p mandar p vc meu email nao tô conseguindo. .vc pode man da r p mim . agradeço. .
prapatriciabrandao.silvamfd@gmail.com